quinta-feira, 7 de julho de 2011

Minha entrevista no blog Jornal Delfos

Por: Jornal Delfos





Joseclei Nunes, 25 anos, Rio de Janeiro, RJ. Deísta, socialista, filiado ao PSOL e escritor amador. 
Trabalha como assistente administrativo. 

Perfil no TwitterHttp://twitter.com/josecleinunes/
Http://twitter.com/milpolitica/

1: AP: _Você virou deísta com quantos anos?

J:_ Sou deísta desde 2008. Com 23 anos.

2 AP: _ Antes de ser deítas, você seguia que religião?

J:_ Eu era ateu. Mas, diferente dos ateus, nunca fui ligado a questões cientificas.
Sempre fui ligado a fatos históricos e filosóficos.

3 AP: _Você era a teu desde criança? Seus pais eram ateus?

J:_ Não. Desde 2001. Era católico e vim de uma família umbandista.

4: AP: _Não é difícil lidar com tanta diversidade religiosa?

J:_Tipo?

5: AP: _ Tipo conflito de idéia sobre a origem das coisas, sobre o que é correto na visão de cada religião que entre em conflito com outra. Como a sua família lida com isso? Como vocês lidam com essas diversidades culturais na mesma família?

J: Normal. Como são de origem do espiritismo, eles acreditam que a salvação é por atos. Então, nem se importam.

6 AP: E como foi essa sua transição de católico para ateu e de ateu para deísta? O que fez e faz você questionar a sua fé?

J: Se Deus é amor, porque católicos e evangélicos se atacam
pregam sobre um cara que ensina o amor, mas fazem o ódio? Daí surgiu a duvida : seria Deus inventado?

Por isso virei ateu, mas nunca acreditei que podíamos vir do macaco, sempre acreditei que Deus possa ter participado no estado, na evolução, mas nunca interferia na vida do homem.

De ateu para deísta, também cheguei a frequentar e estudar o budismo.

7: AP: As pessoas ao seu redor sabem o que é deísmo?

J: sim e não ao mesmo tempo.

8: AP: Como você enxerga a diversidade religiosa no nosso país? É um fator bom ou ruim para nossa cultura?

J: Vejo como meio termo, pois para um país como o Brasil pela falta de educação ela acaba sendo útil.

O lado negativo, que por causa da pouca educação, muitas pessoas usam a religião no seu dia a dia, sem saber separar.

E isso acaba virando um incômodo, que gera intolerância.

9: AP: Você é a favor do Estado Laico? Por quê?

J: Sou defensor, e por isso estou criando um movimento em defesa disso . Apesar da constituição queconsta no artigo 5 e 19 que o país é laico, estamos passando por momentos onde nosso congresso, devido à bancada evangélica, estão criando projetos de leis que obrigam a termos ensino religioso obrigatório e dia de ações de graças.

Por isso estou tentando criar um movimento contra as PLs 309/2011 & amp; 881/2011 do Pastor Marco Feliciano e do deputado do Estado do Rio que quer obrigar bibliotecas e escolas publicas a terem ensino religioso.

10: AP: Boa iniciativa a sua. Para finalizar, defina o que é o pensamento deísta e o que podemos fazer para que nosso país aprenda a conviver mais com a diferença religiosa.

J: Existem muitas deístas espalhado pelo mundo.

Rousseau e Voltaire eram deístas e tinham opiniões diferentes sobre a existência de Deus e isso que o deísmo tem uma certa vantagem e desvantagem.

A vantagem é que você não precisa ser tão preso para que Deus você pode crer, que leva uma desvantagem quem não um pensamento fixo.

O que podemos viver com a diferença religiosa? Acho que devemos respeitar um ao outro o Estado laico precisa ser lembrado, pois ta na lei, mas não é seguida, que acaba fazendo certas religiões terem mais forças contra as minorias

Temos 2 exemplos: 2 grandes homens que o Brasil já teve foram Betinho e Chico Xavier, um ateu e outro espírita, que não precisaram usar suas crenças ou não crenças para ofender o próximo e lutaram para os que mais precisavam.

Hoje vemos grandes líderes religiosos usando essa máquina para propor o ódio, a intolerância, e, com isso, eles enriquecem em cima dos mais pobres.

 É preciso impor o Estado laico neles, pois eles comparam o Estado laico, como um Estado ateu, mas não é isso todos tem diretos de professar sua fé ou não fé, mas devemos sempre respeitar o próximo.

Ateu Poeta
Fortaleza-Ceará/Rio de Janeiro
Entrevista realizada por mns

4 comentários to “Minha entrevista no blog Jornal Delfos”

  • 7 de setembro de 2011 01:54
    Anônimo says:

    Muito louco !!!!!!!!!!!!!!1

    delete
  • 7 de setembro de 2011 02:07

    começo crê q vc pode ir muito longe estamos junto entrevista show ..começo crê q vc pode ir muito longe estamos junto entrevista show ..

    delete
  • 7 de setembro de 2011 02:51
    Finim says:

    Bacana, gostei.
    Mas acho que não conheci nada que eu não soubesse sobre o Joseclei, hehe!!!
    Um abraço, e me candidato à uma possível entrevista...

    delete
  • 8 de novembro de 2012 14:31

    Inspirador

    delete

Postar um comentário

 

Razão & Cultura Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger