segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Papo de Torcedor VASCO – Goleada sofrida e alerta ligado

Defesa do Vasco segue preocupando o torcedor vascaíno. (Foto: André Durão)
Em partida válida pela primeira rodada do Campeonato Carioca 2017, o Vasco foi goleado para o Fluminense pelo placar de 3 a 0. Os gols foram marcados por Wellington, Henrique Dourado e Marcos Júnior. A equipe não perdia para o Tricolor com diferença de 3 gols ou mais desde 12 de abril de 1987.

O primeiro tempo da partida se iniciou de maneira igual, com os dois times buscando a troca de passes. A primeira chance de gol foi do Gigante da Colina aos 16 minutos, quando Nenê cobrou escanteio e Luan cabeceou no travessão, aos 26’ foi a vez do Fluminense, 26' quando Scarapa fez cruzamento rasteiro, mas Henrique não consegue a finalização. O gol do tricolor veio aos 28 minutos, Henrique recebe bola na área, ajeita para Douglas, mas o jogador não domina a bola, que fica para o Wellington Silva finalizando pro fundo do gol. Aos 32’ Somoza faz bela jogada individual, invade a área e faz cruzamento rasteiro para Henrique que completa a jogada e amplia para o Fluminense. O Vasco não conseguia chegar com perigo no gol tricolor, que quase fez o terceiro aos 41’ quando Douglas Augusto recebe bola longa, mas Martín Silva sai do gol e conseguiu abafar a jogada e Wellington pega a sobra e bate pra longe do gol terminando o primeiro no placar de 2x0 para o Fluminense.

O segundo tempo começou com duas substituições para o Vasco colocando o Escudero e Eder Luis nos lugares de Guilherme Costa e Ederson, mas o Fluminense teve a primeira chance aos 3’, quando Wellington Alves recebe bola na área, bate forte por cima do gol. Aos 5’ o Vasco teve a sua primeira oportunidade quando Thalles bate de longe, Cavalieri soltou a bola na área, Guilherme Costa pega a sobra mas manda a bola longe do gol. Aos 9’, Andrezinho recebeu a bola na área, toca para Thalles, mas o jovem atacante bate por cima do gol e aos 17’ Madson recebeu a bola na área, mas o goleiro do Fluminense saiu do gol e consegue fazer boa defesa. O Fluminense quase ampliou aos 19’, quando Scarpa recebeu a bola de Henrique, driblando Luan e chutando para a bela defesa do goleiro uruguaio Martin Silva. Com sistema defensivo do Vasco totalmente desorganizado, o Fluminense volta a incomodar o Gigante da Colina e aos 37’ Scarpa e Marcos Júnior iniciam um grande contra ataque, Marcos Júnior aparece na área e toca na saída de Martin Silva, fechando o placar favorável por 3x0 para o Fluminense.

Apesar de atuações individuais ruins, o problema maior do Vasco foi a montagem da equipe. Cristóvão Borges continua insistindo em colocar Madson e Thalles no time titular, deixando o Pikachu e Éderson na reserva, além disso, falhou em colocar Júlio dos Santos e Andrezinho no combate, deixando a equipe mais lenta e dando oportunidades de velocidade para o Fluminense. Na parte defensiva, o problema continua com o Rodrigo, o Zagueiro falhou em dois gols na goleada sofrida para o Corinthians na Florida Cup e voltou a falhar no primeiro gol e a falta de um volante deixando o torcedor vascaíno bem preocupado.

Para as próximas rodadas, o time poderá melhorar com as entradas de Wagner e Muriqui dando mais qualidade à equipe. Outros destaques poderão ser os garotos da base Henrique e Guilherme Costa, sendo os melhores na partida de ontem, mesmo assim, é preciso contratar mais um zagueiro e um volante e tentar ao menos, melhorar a defesa vascaína que é pífia. No ataque, não sabemos se Luís Fabiano vem ou não e nem o Plano B Riascos, que tem o Tijuana do México e Millonarios da Colômbia na disputa pelo atacante colombiano, mas é preciso trazer também um bom centroavante para dar mais alegrias a nós vascaínos.

Na próxima rodada, o Gigante da Colina irá encarar o Bangu quinta-feira, dia 2, às 16h30, em Moça Bonita, que empatou pelo placar de 2x2 contra a Portuguesa da Ilha do Governador.

Siga Razão e Cultura nas Redes sociais (Facebook) (Twitter)

*José Nunes (@JosecleiNunes) é fundador e editor do blog Futebol Retrô. Escritor, graduado em história. Ama futebol e um bom papo de botequim.

domingo, 22 de janeiro de 2017

Papo de Torcedor VASCO - Falhas na zaga e derrota



Após vitória ante o Barcelona do Equador, o Vasco foi goleado para desespero nação cruzmaltina, a derrota veio na noite da quarta (19) diante do Corinthians pela semifinal da Florida Cup, no Bright House Network Stadium, em Orlando, nos Estados Unidos. Com a derrota o Vasco disputará a terceira colocação no próximo sábado contra o derrotado da partida entre River Plate e São Paulo.


No primeiro tempo as equipes buscaram abrir o placar. A 8' Thalles leva até a linha de fundo, cruza e arruma escanteio para o Vasco. Nenê cruza e quase faz gol olímpico.11' foi a vez do Corinthians com Rodriguinho arriscando na entrada da área, Martín Silva, com calma, espalma para escanteio. Aos 20', Camacho tabela com Rodriguinho, invade a área e manda no canto do gol, abrindo o placar para o Corinthians. Mas aos 24', o Vasco empatou, Eder Luís recebe de Nenê e acerta um lindo chute de fora de área, no ângulo e aos 26', quase vira novamente com Éder Luis recebendo de Nenê e chutando para defesa de Cássio. Aos 33', Thalles coloca a bola pro fundo da rede de voleio, mas o juiz marca o impedimento.

Aos 34' Jô recebe em profundidade, mas Martin Silva saiu bem na bola e divide com o atacante carioca. Com o inicio bem movimento, a partida ficou mais truncada nos 15 minutos finais do primeiro tempo, mas aos 41' Rodriguinho dribla a marcação, arrisca de fora da área e Martín Silva defende. Nos cinco minutos finais, as duas equipes buscaram o ataque em busca do segundo gol e aos 45' em falha da marcação vascaína, Marlone tabela com Romero, invade a área e coloca o Corinthians novamente na frente do placar, fechando primeiro no placar de 2x1 para o Corinthians.


No segundo tempo, Fabio Carille mudou o time inteiro no intervalo, enquanto o Vasco mudou aos poucos, porém o "time b" paulistano continuou superior ao Vasco com essas alterações e aos 18' Guilherme finaliza e Martin Silva faz grande defesa. O Vasco seguia muito mal, não conseguindo criar chances de gols, mas aos 32', Andrezinho dá bela bola para Yago Pikachu, que entra na área e chuta, mas Caíque salva para o Corinthians e aos 33' Ederson cabeceia forte e Caíque novamente faz boa defesa, mas aos 37', após o cruzamento de Marquinhos Gabriel, Kazim completa de cabeça e amplia para o Corinthians e aos 44' Kazim retribui e toca para Marquinhos Gabriel somente empurrar para o fundo das redes e garantir a goleada para o Corinthians, classificando a equipe para a final contra o vencedor de River Plate e São Paulo.


A goleada tomada ligou novamente o alerta em São Januário. No primeiro tempo o Vasco melhorou na saída de bola com Júlio dos Santos e Evander, mas deixou a zaga exposta nos dois gols do Corinthians e nesse caso é preciso ter um volante de marcação para não deixar um vazio na defesa vascaína. No segundo tempo, o toque de bola e a infiltração do Vasco melhorou consideravelmente com a entrada de Andrezinho, que mostrou que não merece ficar na reserva.

O time de Cristóvão Borges mostrou nos dois primeiros jogos da temporada que está sem poder de marcação e desequilibrado na criação. Entre os titulares, Madson e Rodrigo falharam e muito nas duas partidas, deixando a torcida insatisfeita com suas atuações, além disso, ele não coloca o Pikachu titular na lateral. Ainda é muito cedo para comentar sobre o futuro do time para essa temporada, já que não está com o time completo devido aos reforços de Escudero, Muriqui e Vágner e provavelmente de Luis Fabiano, mas é preciso ir no mercado e contratar um volante de marcação e um zagueiro, senão teremos mais um ano de sofrimentos e não podemos esquecer que estamos em ano de eleições.




Foto: Getty. 

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Papo de Torcedor VASCO – Vitória nos primeiros passos de 2017

Nenê e Rodrigo marcaram os gols da virada vascaína (Foto: Lancenet)
Amigos vascaínos, mais uma temporada se inicia e o Vasco venceu a sua primeira batalha para 2017, a vitória veio nesse último domingo (15) diante do Barcelona do Equador de virada no placar de 2 a 1, garantindo a classificação para a semifinal do Torneio Florida Cup.

Os dois times começaram a partida com forte marcação, chegando às vezes no ataque e o primeiro gol veio aos 21 minutos com Vera, chutando rasteiro pra no fundo das redes. Após o gol, o Vasco fez uma postura mais ofensiva, buscando o empate e aos 29 minutos após o pênalti sofrido por Rodrigo, Nenê empata para o Vasco.

No segundo tempo, Cristóvão Borges tirou os reforços Escudero e Muriqui, colocando Eder Luis e Guilherme Costa, deixando a equipe mais ofensiva, porém a partida estava sendo encaminhando para as cobranças de pênaltis, mas aos 38 minutos , o Vasco sofreu uma falta próximo a área. Nenê mandou a bola na pequena área e livre, o zagueiro Rodrigo cabeceia para o fundo das redes garantindo a primeira vitória do Vasco na temporada de 2017.

Rodrigo foi o protagonista da partida, apesar de ter falhado no gol do Barcelona, assinalado por Vera no primeiro tempo, mas sofreu pênalti e minutos depois e fez o gol da virada no segundo tempo. Muriqui e Escudero não estão no mesmo nível dos companheiros, já que perderam a preparação da equipe antes da viagem para os Estados Unidos e Evander foi outro destaque da partida, se tornando uma grande surpresa, sendo recuado pelo técnico Cristóvão Borges, dando passes curtos, criando jogadas e ajudando a parte defensiva.

Não podemos fazer uma grande análise de como será o Vasco nessa temporada, mas podemos ver pequenas mudanças no time no Cristóvão, principalmente na parte defensiva e no uso de volantes como na sua passagem pelo Fluminense. Além disso, esse não será o time titular para o Campeonato Carioca e Copa do Brasil, já que Escudero e Muriqui ainda não estão em suas melhores formas e o Vasco espera fechar com mais dois ou três reforços pontuais para fortalecer o time e melhorar na parte ofensiva, algo que o Vasco não acertou desde a saída do Alecssando em 2012.

Estamos no ano de eleição e creio que a diretoria não repetirá erros nos anos anteriores, rebaixando a equipe duas vezes para a Série B. Agora é esperar e torcer para que não seja mais um ano de sofrimento e esperamos o Vasco competitivo em 2017.  

Com a vitória, o Vasco enfrentará o Corinthians na quarta-feira (18) em Orlando ás 22 horas no horário de Brasília, caso vença, enfrentará na final o vencedor de River Plate e São Paulo.

Siga Razão e Cultura nas Redes sociais (Facebook) (Twitter)

*José Nunes (@JosecleiNunes) é fundador e editor do blog Futebol Retrô. Escritor, graduando em história. Ama futebol, política e um bom papo de botequim
 

Razão & Cultura Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger